Notícias

Home > Notícias

Lesões mais comuns nas férias

Férias escolares são um período do ano em que as crianças e adolescentes estão mais fisicamente ativos e buscando atividades para se divertir. Esse aumento de atividade também está associado a um maior risco de lesões ortopédicas. Não há como evitar 100% das lesões, mas podemos diminuir o risco. 

Seguem abaixo algumas das lesões ortopédicas mais comuns nessa época do ano:

  1. Acidentes de bicicleta 

Férias são um excelente momento para tirar a bicicleta da garagem e passear pelo bairro. Lesões de bicicleta são muito comuns entre as crianças. Existem muitas lesões ortopédicas possíveis ao andar de bicicleta, sendo as mais comuns contusões, entorses e fraturas, usualmente causadas por perda de equilíbrio e queda da bicicleta. Para reduzir o risco dessas lesões, certifique-se de que seu filho saiba andar de bicicleta corretamente e use os equipamentos de proteção adequados como capacete, joelheiras e cotoveleiras. Isso também é válido para a prevenção de lesões no skate e na patinação.

       2. Lesões na Piscina

A natação é uma ótima atividade física. Lesões ortopédicas que podem ocorrer na água geralmente são decorrentes de mergulhos na parte rasa da piscina, o que pode levar a lesões no pescoço e na coluna. Escorregões na borda da piscina também podem ocorrer. Na natação não há equipamento que proteja contra essas lesões, portanto, supervisionar e ensinar seu filho sobre segurança dentro e ao redor da piscina é a melhor maneira de evitar lesões.

      3. Lesões no playground

Os playgrounds são um lugar maravilhoso para as crianças desenvolverem destreza, fazerem novos amigos e explorarem ideias para brincadeiras criativas. Como qualquer outro exercício físico, as atividades de playground também apresentam risco de lesões. As lesões nos playgrounds podem ser muito variadas, desde pequenos cortes ou contusões até lesões mais graves como fraturas e luxações. Com conscientização, cautela e algumas medidas preventivas, muitos desses acidentes podem ser evitados. A maioria das lesões acontece em torno de equipamentos de escalada e balanços. Quase 80% desses acidentes acontecem quando as crianças caem. Eles podem escorregar, perder o controle ou perder o equilíbrio no equipamento. As crianças podem se machucar não apenas pelo impacto com o solo, mas também por serem atingidas por outros equipamentos enquanto caem. A lesão que mais frequentemente leva a uma visita ao pronto-socorro ortopédico é uma fratura de cotovelo, pois as crianças estendem a mão instintivamente para tentar amortecer a queda e se proteger. A melhor maneira de prevenir ou minimizar essas lesões é através da supervisão atenta de um adulto. Verifique se há possíveis perigos no playground, acompanhe as crianças pequenas enquanto brincam e ajude-as a entender as regras do playground e o uso dos equipamentos.

      4. Lesões no futebol

O esporte mais popular do país é uma excelente atividade para meninos e meninas, ajudando as crianças e os adolescentes a manterem o corpo em forma, melhorar a coordenação motora, fazer amizades e estimular o trabalho em equipe. As lesões mais comuns no futebol são as contusões, lesões musculares, entorses e lesões por excesso de uso. Existem algumas dicas importantes de prevenção de lesões que podem ajudar os pais a promover uma experiência esportiva segura e ideal para seus filhos. 

 

– Tirar uma folga. Planeje ter pelo menos 1 dia de folga por semana para permitir que o corpo se recupere das atividades físicas.

– Uso de equipamentos adequados. Uso de tênis ou chuteira apropriada (dependendo do piso) pode evitar lesões importantes como entorses de tornozelo ou joelho. Além disso, o uso de caneleira também protege contra contusões. 

– Fortalecer os músculos. Exercícios de condicionamento fortalecem os músculos usados no jogo, melhorando a performance e reduzindo o risco de lesões.

 – Melhora da flexibilidade. Exercícios de alongamento antes e após jogos ou treinos melhora a flexibilidade e deve ser incorporado a um plano de condicionamento físico diário.

 – Não jogue com dor. Em casos de dor ou desconforto faça um repouso das atividades físicas e se necessário procure a ajuda de um ortopedista.

5. Acidentes domésticos

 O local mais comum para crianças pequenas, menores do que 5 anos, serem feridas é dentro ou ao redor de suas casas. As lesões e acidentes comuns em casa incluem: cortes, envenenamento, asfixia, choques elétricos, quedas, afogamentos e queimaduras. No entanto, muitas lesões graves podem ser evitadas se os pais e outros cuidadores supervisionarem as crianças cuidadosamente e manterem seu ambiente seguro. A prevenção requer uma supervisão cuidadosa das crianças e mantê-las afastadas de perigos, como fogão, piscina, locais onde possam cair e itens que possam machucá-las.

 


Agende sua consulta

Referência em Ortopedia, Traumatologia e Reabilitação trabalhamos com foco na excelência e humanização.

Olá!

Gostaria de falar conosco no WhatsApp?

Gostaria de agendar e receber uma chamada em outro horário?
Deixe sua mensagem! Entraremos em contato o mais rápido possível.